O cartão iFood é uma nova aquisição para empresas que estão procurando alternativas para os vales-refeição; além de facilitar a vida dos trabalhadores, os empreendedores contam com muitas vantagens em oferecer tantos benefícios corporativos. E mesmo que o iFood seja um aplicativo mais usado em celular, o cartão é físico!

Apesar do avanço tecnológico e da existência de pagamentos online ou até mesmo cartões digitais, o app de alimentação não se limitou a ficar apenas na internet e nos celulares. Com o lançamento de um cartão físico, seus serviços tornaram- se mais conhecidos e acessíveis.

Se você é alguém que tem o interesse em saber como funciona essa nova modalidade para, quem sabe, aderir em sua empresa, o texto abaixo vai te ajudar. Mas primeiro, conheça um pouco sobre o delivery que ficou tão famoso!

Conheça o iFood

Apesar do nome, o iFood é uma empresa brasileira. Foi fundado em 2011 e atualmente está presente no México, na Argentina e na Colômbia. Atua em todos esses países da América Latina com entregas de alimentos e outros serviços.

O iFood é um aplicativo que proporciona facilidade na hora de pedir comida; você pode pedir em casa, no trabalho, a qualquer hora do dia e sem gastar nada além do preço do alimento e, às vezes, um frete baratinho.

Cartão iFood
Reprodução: Canaltech

E o melhor é que com a popularidade cada vez maior, o app não oferece mais apenas delivery de alimentos prontos, mas também de itens de farmácia, pet shop, e até mesmo a possibilidade de fazer compras em mercados próximos!

Cartão iFood: saiba o que é 

Em resumo, o cartão iFood Benefícios Elo é um vale-refeição ou vale-alimentação que o iFood começou a ofertar para empresas no Brasil inteiro. Com ele, os empreendedores podem oferecer benefícios corporativos para os trabalhadores!

Nesses benefícios, estão incluídos, se o empregador se interessar: alimentação – mais de 4 milhões de restaurantes e mercados permitem o uso do cartão iFood -, vale-transporte e descontos exclusivos para a bandeira Elo.

Os beneficiados, além de terem o cartão iFood físico, também podem fazer o pagamento através de QR code – e quando o vale-refeição ou vale-alimentação são aceitos em mais lugares e com facilidade, muitos funcionários ficam satisfeitos.

Vantagens em aderir o cartão iFood

O fato de os vales-alimentação ou refeição serem aceitos em mais de 4 milhões de restaurantes ou mercados e 236 mil estabelecimentos cadastrados no aplicativo já é incrível, até porque possibilita que o trabalhador se sinta confortável na hora do almoço. Mas quais são as outras vantagens para o empreendedor?

De acordo com o próprio site, o serviço de cobertura é todo feito pela plataforma que entrega relatórios automáticos. Ou seja, é mais uma facilitação para o RH da empresa beneficiada; e além de tudo, não há taxas a serem pagas além do valor total do cartão iFood.

E é claro que além desses benefícios de alimentação e descontos que já foram citados, o cartão iFood proporciona ao empregador: retenção de funcionários, inovação, redução de custos, maior produtividade, atrativos para novos ou melhores talentos e muito mais.

Gostou do post?

O cartão iFood foi um serviço empregado no começo de 2021 e facilita bastante a vida de empreendedores e trabalhadores. Com tantas vantagens apresentadas no texto e com a confiança e popularidade que o aplicativo proporciona, é uma ótima oportunidade para empresas.

Se alguma pergunta sobre o que foi exposto aqui surgir, sinta-se bem-vindo para deixar um comentário. E se você, leitor, tem interesse em conhecer outros cartões que podem se encaixar em sua realidade, confira Clube do Cartão para mais dicas.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O Portal Clube do Cartão pertence a JN CONTENT, portadora do CNPJ 42.921.663/0001-99

Copyright © 2021 Clube do Cartão | Desenvolvido por Vedrak